Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Pé Descalça

Kandersteg, Suíça ou O Paraíso na Terra

Em novembro, tive a sorte descomunal de passar uma semana em formação na Suíça. Foi algo que surgiu de forma repentina e portanto eu acabei por seguir viagem ser grandes expectativas e, principalmente, sem grande entusiasmo. Com tanto que se estava a passar na altura, esta viagem à Suíça passou-me completamente ao lado até ao momento em que aterrei em Zurique.

 

Mas algum contexto primeiro. Porque fui à Suíça? Tal como disse, fui em formação. Mais especificamente, fui a uma formação financiada pela Comissão Europeia sobre o Diálogo Intercultural. Como é que nós, enquanto técnicos em projetos de intervenção social com jovens imigrantes ou de etnias minoritárias, pensamos sobre questões de interculturalidade (Estereotipos, Identidade, Cultura)? Através de dinâmicas de educação não-formal, juntou-se um grupo de 30 pessoas dos mais variados cantos do mundo - Palestina, Bulgária, Kosovo, Israel, Roménia, Espanha, Portugal, Irlanda, e muito mais. Foi uma semana inesquecível com pessoas espetaculares e o lugar onde ficámos muito contribuiu para isso também.

IMG_6945.JPG

Nomeadamente, ficámos em Kandersteg - uma pequena vila no meio dos Alpes Suíços mais conhecida como estância de ski. Tivemos sorte, apanhámos a primeira neve da estação e eu, que já não via neve a sério há uns 7 anos, fiquei totalmente deslumbrada.

 

Alojados no Kandersteg International Scouts Center, fomos super bem recebidos pelos escuteiros e ficámos totalmente isolados num pequeno vale a 20 minutos da vila de Kandersteg. Entre sessões de formação, almoços de trabalho, e reuniões de grupo até às tantas da manhã ainda deu para termos algum tempo livre para passear, construir bonecos de neve, tirar umas quantas 500 fotografias e aproveitar os lindos dias de sol. 

 

IMG_7837.JPG

IMG_7855.JPG

IMG_7862.JPG

IMG_7868.JPG

IMG_7891.JPG

IMG_7902.JPG

IMG_7904.JPG

 

6 comentários

Comentar post